[:pb]Séries de TV para quem trabalha no mercado de comunicação[:]

[:pb]Para nós, comunicadores, os meios de comunicação são ferramentas de trabalho. Relações Públicas, Publicidade, Jornalismo e Rádio e TV, cada um com seu papel, mas que são responsáveis, em linhas gerais, por produzir conteúdo, disseminá-lo e garantir que a mensagem foi bem entendida pelo público alvo.

shutterstock_130173635

E quando o entretenimento, como uma série veiculada na TV, aborda assuntos que são voltados para nosso mundo? Essa quase metalinguagem deixa tudo isso mais interessante aos olhos de quem é expert em comunicar.

Confira a lista das séries indispensáveis para quem trabalha no mercado de comunicação.

Scandal para Relações Públicas
A série é baseada na história real de Judy Smith, assessora do ex-presidente dos Estados Unidos, George H. W. Bush, e que já teve clientes como Monica Lewinsky, affair do ex-presidente Bill Clinton, e o jogador de basquete Kobe Bryant.

O enredo conta a história de Olivia Pope, que depois de sair do cargo de Relações Públicas da Casa Branca, abriu a própria empresa: Pope & Associates. A partir de então, começou a gerenciar crises públicas, envolvendo pessoas públicas ou órgãos públicos.

Aprenda a construir uma boa reputação e como são os bastidores de uma crise. Scandal é sobre como a vida dos RPs é: difícil, mas também nunca monótona.

Mad Men para Publicitários
Roupas antigas, médicos que fumam no consultório, tv preto e branco, machismo escancarado. Mad Men acompanha a rotina de uma agência de publicidade de Nova York nos anos 60, com cenas que parecem ser de outro mundo, mas que, na verdade, só mostram como ele já foi um dia.

É uma aula de publicidade, ao mesmo tempo que nos permite acompanhar as quedas e conquistas de personagens com personalidades instigantes, que fazem de tudo para não perder o job.

The Newsroom para Jornalistas
Exibida de 2012 a 2014 pela HBO, a série é sobre o âncora Will McAvoy, que conta com uma equipe de jornalistas e produtores para fazer com que seu programa cresça com um jornalismo imparcial.

A série se torna uma reflexão sobre o papel do jornalismo, a função do jornalista, sua ética, responsabilidade com o público e a origem das fontes. Existem dois lados de uma mesma história?


[:]